1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Campanha contra o álcool aposta em imagens contundentes

Uma nova campanha iniciada pela polícia alemã procura alertar o público jovem para os efeitos negativos do álcool. Vídeos na internet e imagens em porta-copos confrontam os jovens com imagens contundentes.

Beber até cair

Uma nova campanha lançada na Alemanha para alertar contra os efeitos negativos do consumo de álcool aposta no uso de imagens de jovens em situações constrangedoras, provocadas pelo excesso da bebida. Um dos exemplos é a imagem de um rapaz coberto pelo próprio vômito após uma noitada, outro com as calças molhadas de urina e um torcedor adolescente de futebol apanhando de bêbados.

As imagens estão estampadas em 1,5 milhão de porta-copos e também podem ser vistas em vídeos na internet, em sites visitados geralmente pelo público jovem.

Sabine Bätzing, encarregada de questões ligadas às drogas do governo alemão

Com o slogan "Don't drink too much – Stay Gold" (Não beba demais – Fique limpo), a campanha foi iniciada pela polícia, preocupada com estatísticas que indicavam um aumento alarmante do "binge drinking", fenômeno cada vez mais comum entre jovens europeus, que significa beber muito num curto período de tempo.

Álcool leva à violência

Segundo Sabine Bätzing, encarregada alemã para o combate às drogas, quase 20 mil jovens alemães acabam no hospital por excesso de álcool a cada ano. Um dos vídeos da campanha aborda o caso de um jovem que perdeu a consciência após abusar da bebida e acabou morrendo, depois que os paramédicos foram incapazes de ressucitá-lo.

Um dos objetivos é relacionar o consumo excessivo do álcool à violência. Três em cada dez crimes violentos solucionados na Alemanha são cometidos sob a influência do álcool, de acordo com a polícia alemã. E a porcentagem de infratores juvenis envolvidos subiu de 38,5% em 2006 para 39,3% em 2007.

Não só criminosos alcoolizados são alvo da campanha, mas também as vítimas. Uma foto em um porta-copo mostra uma garota minimamente vestida no banco de um parque, cercada por garrafas dos dois lados. O que não está claro é se ela está apenas alcoolizada ou se foi vítima de estupro durante o torpor alcoólico.

"Binge drinking" cada vez mais popular

"A tendência ao consumo excessivo entre jovens continua inalterada", conta Bätzing. "Um em cada cinco jovens bebe cinco ou mais copos de álcool pela menos uma vez por mês. E a violência geralmente acompanha a bebedeira."

Em uma pesquisa recente feita entre jovens, 26% dos entrevistados admitiu participar de sessões de "binge drinking" no mês anterior, misturando cerveja, vinho e destilados em grande quantidade. "Eu mesmo aprecio um copo de vinho ocasionalmente", disse o político conservador Jörg Schönbohm, um dos que apóiam a campanha. "Mas a questão é o limite."

Os vídeos e porta-copos procuram mostrar os dois lados da mesma moeda. Enquanto um lado mostra uma festa onde jovens se divertem com uma quantidade moderada de álcool, o outro mostra cenas repulsivas de como a embriaguez pode acabar.

"Pode ser que adultos achem a campanha forte demais", avalia Bätzing. "Mas ela é dirigida aos jovens e testes mostraram que eles reagem bem a ações drásticas como essa."

Atletas famosos ajudam

Especialistas britânicos, no entanto, alertam que o tiro pode sair pela culatra. Um estudo publicado no começo do ano concluiu que campanhas contra o álcool mostrando jovens bêbados em público ou sendo ajudados poderiam ser interpretadas de forma distorcida. "A inebriação extrema freqüentemente é vista como fonte de auto-estima ou afirmação social entre os jovens", conclui a pesquisa de três universidades inglesas.

Vedad Ibisevic, do Hoffenheim, é embaixador da campanha

Para lidar com o problema, a admisitração regional do bairro central de Mitte, em Berlim, planeja proibir o consumo de álcool em praças públicas, tais como a Alexanderplatz, um ponto de encontro comum entre jovens e adolescentes.

Já a polícia prefere apostar na mensagem de que beber não é cool, convidando estrelas do mundo dos esportes para serem embaixadores da campanha. Entre elas, estão a campeã olímpica de pentatlo moderno em Pequim, Lena Schöneborn (22), e o jogador de futebol Vedad Ibisevic, artilheiro da Bundesliga desta temporada.

"Você tem personlidade própria e é forte o bastante" é a mensagem. "Não precisa beber para que te ouçam".

DW.DE